Amanda Costa

Astrologia Poética

Aquário
20/1 a 18/2



Ao seu redor, e por onde você passa, nada fica parado. Por que então haveria de deixar quietinho aquilo tudo que está tão vivo, se revolvendo e revolucionando aí dentro de si?! Ah, você não quer mexer ali. Mas o que está ali se mexe sozinho. Sem falar que alguém sempre dá um jeito de cutucá-lo, de apertar o botão, de iluminar a casa... Faça-se a luz!